Notícia

Novo: a realidade virtual libera os pacientes da dor e da ansiedade ao visitar o dentista

Novo: a realidade virtual libera os pacientes da dor e da ansiedade ao visitar o dentista


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Médicos estão examinando o uso de óculos de realidade virtual para tratamento odontológico
Na verdade, as pessoas devem ir a um dentista em intervalos regulares para verificar a saúde dos dentes. Por exemplo, os dentes podem ser limpos e os furos podem ser evitados. No entanto, também existem muitas pessoas que têm grandes medos ou até uma fobia antes de visitar o dentista. Os pesquisadores descobriram que o uso da realidade virtual pode ajudar a aliviar a ansiedade e a dor.

Os cientistas da Universidade de Plymouth e da Universidade de Exeter descobriram que a realidade virtual reduz a ansiedade e as fobias ao visitar um dentista. Isso permite que as pessoas afetadas procurem um dentista e recebam tratamento, apesar de seus medos. Os médicos publicaram os resultados de seu estudo na revista "Environment and Behavior".

Os pacientes usam um fone de ouvido VR quando visitam o dentista
A equipe de pesquisa trabalhou com uma clínica odontológica para o estudo atual. Os especialistas queriam determinar se o uso da realidade virtual tornaria a visita do dentista mais suportável para pacientes com ansiedade. Para esse fim, os participantes usaram um fone de ouvido VR durante a visita ao dentista, o que lhes deu um passeio virtual na praia, explicam os especialistas. Como alternativa, eles podem optar por percorrer uma cidade virtual anônima.

Caminhada virtual na praia reduz ansiedade e dor
O tratamento virtual pode ser facilmente realizado na clínica do dentista. Quando os pacientes deram um passeio virtual na praia, sofreram menos ansiedade e menos dor, explicam os autores. Além disso, essas pessoas também tiveram uma atitude mais positiva em relação ao tratamento uma semana após o dentista em comparação com os pacientes que recebem tratamento padrão, acrescentam os cientistas.

Um passeio virtual pela cidade não levou às vantagens determinadas anteriormente
Os médicos também foram capazes de determinar que não bastava colocar os pacientes em realidade virtual em geral. Quando os participantes visitaram uma cidade desconhecida na realidade virtual, eles não tiveram as mesmas vantagens que uma visita virtual à praia. A caminhada pela cidade virtual não levou aos resultados esperados, afirmam os pesquisadores. A razão para isso é que a distração não é forte o suficiente. O ambiente deve ser convidativo e relaxante para o paciente, explica o autor Dr. Sabine Pahl, da Universidade de Plymouth.

As pessoas ficam particularmente relaxadas quando estão no mar virtual
Seria interessante transferir essa abordagem para outros contextos em que as pessoas usam a realidade virtual, por exemplo, no trabalho ou para vários problemas de saúde, dizem os cientistas. A água parece ter uma influência particularmente forte na realidade virtual. As pessoas eram mais felizes ou mais relaxadas quando estavam no mar virtual, explica o autor Dr. Mathew White, da Universidade de Exeter. Essa descoberta pode ser usada para ajudar pessoas em contextos de saúde potencialmente estressantes.

A realidade virtual tem um efeito calmante semelhante à natureza correta?
Houve outros estudos que examinaram o impacto positivo da natureza nos seres humanos. Por exemplo, um estudo da Coréia do Sul descobriu que os trabalhadores que viam a floresta de seu escritório enquanto trabalhavam sentiam menos estresse e geralmente ficavam mais satisfeitos com o trabalho, dizem os especialistas.

Passeios pela floresta melhoram a memória de curto prazo
Caminhadas reais pela floresta relaxam a mente humana. Os pesquisadores descobriram que essas caminhadas melhoram a memória de curto prazo em 20%. Agora, a equipe espera determinar como a realidade virtual pode aliviar a dor e o estresse de pacientes em outras situações médicas, explicam os especialistas. (Como)

Informação do autor e fonte



Vídeo: Protocolos de Auriculoterapia para Dor (Pode 2022).