Notícia

Diabetes tipo II: novo teste de suor pode medir os níveis de açúcar no sangue mais facilmente


Monitorar o açúcar no sangue pode se tornar mais indolor e livre de estresse no futuro
Pessoas com diabetes precisam monitorar seus níveis de açúcar no sangue regularmente. Os pesquisadores descobriram que os níveis de açúcar no sangue podem ser verificados com a ajuda de um sensor, analisando o suor da pele humana. Esse novo método pode melhorar significativamente a qualidade de vida das pessoas afetadas.

Os cientistas da Universidade Nacional de Seul, na Coréia do Sul, descobriram que um sensor recém-desenvolvido pode monitorar efetivamente os níveis de açúcar no sangue. Tudo o que é necessário é suor na pele do paciente. Os médicos publicaram os resultados de seu estudo na revista científica "Science Advances".

O sensor recentemente desenvolvido é muito preciso
"Para testar o nível de açúcar no sangue, não precisamos de uma peça de roupa encharcada de suor, mas apenas um milionésimo de um litro de suor", explicam os especialistas. A pesquisa mostrou que o sensor desenvolvido é muito preciso e pode atender bem pacientes com diabetes.

O sensor pode injetar medicação automaticamente com a ajuda de um adesivo
Em outros testes em ratos, o sensor foi conectado a uma espécie de gesso com pequenas agulhas, para que ele pudesse injetar automaticamente medicamentos para diabetes. Amostras de sangue dolorosas podem ser evitadas no futuro para pacientes com diabetes, explicam os cientistas da Universidade Nacional de Seul.

O que é diabetes tipo 1?
Existem diferentes tipos de diabetes. O diabetes tipo 1 é causado pelo sistema imunológico e geralmente ocorre na infância ou adolescência. A causa da doença geralmente é um mau funcionamento do sistema imunológico, que causa a morte das células produtoras de insulina no pâncreas. Isso aumenta o nível de açúcar no sangue e os afetados precisam injetar insulina.

O que é diabetes tipo 2?
Por outro lado, a diabetes tipo 2 é frequentemente desencadeada pelo estilo de vida do paciente. A obesidade existente, a falta de exercício e uma dieta não saudável favorecem o desenvolvimento do diabetes tipo 2. Com esta forma da doença, o nível de glicose no sangue é muito alto. Em alguns pacientes, também são necessárias injeções de insulina.

Sensor permite uma medição mais fácil dos níveis de açúcar no sangue
Os pacientes com essas doenças precisam ter seu nível de açúcar no sangue verificado clinicamente. Essa é a única maneira de evitar danos ao seu corpo, que podem até levar à morte, explicam os médicos. O sensor recém-desenvolvido pode ajudar as pessoas afetadas a medir seus níveis de açúcar no sangue mais facilmente. O sensor é tão flexível que pode se adaptar aos movimentos da pele.

Alguns desafios tiveram que ser superados durante o desenvolvimento
No entanto, os cientistas tiveram que superar vários desafios para fazer o sensor funcionar de maneira confiável. Há menos açúcar no suor humano do que no sangue. Por esse motivo, o açúcar é mais difícil de determinar. Outros produtos químicos no suor, como o ácido lático, também podem influenciar os resultados, acrescentam os pesquisadores. Por esse motivo, o adesivo desenvolvido possui três sensores que medem o teor de açúcar. Quatro sensores examinam a acidez no suor e um sensor de umidade analisa a quantidade de suor.

Computador portátil analisa dados medidos
Todas essas informações são repassadas para um computador portátil. Isso realiza a análise para determinar os valores principais. Testes antes e após as refeições mostraram resultados confiáveis ​​do adesivo, em comparação com os resultados das medidas tradicionais de monitoramento da glicose no sangue, dizem os especialistas da Coréia do Sul.

Investigações adicionais devem analisar o trabalho de longo prazo do sistema
Os resultados mostram que o sistema atual permite novos e importantes avanços no tratamento indolor e sem estresse do diabetes, dizem os pesquisadores. Estudos adicionais são agora para esclarecer como o patch funciona a longo prazo. (Como)

Informação do autor e fonte



Vídeo: Pressão Alta x Pressão Baixa - Você Bonita 191217 (Janeiro 2022).