Notícia

Avanço: vírus permite nova terapia para câncer de ovário

Avanço: vírus permite nova terapia para câncer de ovário


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Vírus ataca câncer de ovário sem afetar células saudáveis

Um novo método pode revolucionar o tratamento do câncer de ovário no futuro. Os pesquisadores conseguiram treinar um vírus para que ele reconheça as células cancerígenas do ovário e possa até destruí-las.

Em sua investigação atual, os cientistas da Universidade de Cardiff descobriram que um vírus é capaz de identificar e destruir células cancerígenas do ovário. Os médicos publicaram os resultados de seu estudo na revista de língua inglesa "Clinical Cancer Research".

Vírus destrói células cancerígenas prejudiciais

Os vírus reprogramados já são usados ​​na terapia genética para tratar várias doenças. O novo vírus pode destruir células nocivas sem afetar células saudáveis, dizem os especialistas. Os cientistas da Universidade de Cardiff esperam que este novo tipo de tratamento possa ser usado para tratar outros tipos de câncer, como mama, pâncreas, pulmão e câncer de boca no futuro.

Vírus programados geralmente levam a efeitos colaterais indesejáveis

No tratamento do câncer, os vírus previamente programados não foram capazes de reconhecer seletivamente apenas as células cancerígenas. Nesse caso, células saudáveis ​​também são infectadas, o que leva a efeitos colaterais indesejáveis, explica o Dr. Alan Parker, da Faculdade de Medicina da Universidade de Cardiff.

O vírus foi completamente redesenhado

Um vírus já bem examinado foi retirado e redesenhado completamente para que não pudesse mais aderir às células sem câncer, explicam os cientistas. Em vez disso, o chamado vírus respirador procura uma proteína marcadora específica chamada αvβ6 integrina, que é única para determinadas células cancerígenas para penetrá-las, acrescenta o Dr. Parker acrescentou.

O vírus tem potencial para tratar muitos cânceres

O vírus efetivamente identificou e destruiu as células cancerígenas do ovário após replicá-las e copiá-las milhares de vezes. As cópias de vírus recém-criadas infectam as células cancerígenas vizinhas e repetem o ciclo até que o tumor seja removido. Este é um avanço emocionante que tem potencial real para tratar muitos tipos de câncer, dizem os especialistas.

O vírus convertido foi um dos adenovírus

O vírus reprogramado vem de um grupo de vírus conhecido como adenovírus. Os pesquisadores dizem que a vantagem de usar esses tipos de vírus é que o vírus é relativamente fácil de manipular e já foi usado com segurança no tratamento do câncer.

Mais pesquisas são necessárias

O estudo foi realizado em um laboratório em ratos com câncer de ovário. O próximo passo é testar a técnica em outros cânceres e iniciar os ensaios clínicos em cinco anos. Os vírus são a nanotecnologia da natureza e o uso de sua capacidade de dominar as células é uma área de crescente interesse para a pesquisa do câncer, explicam os cientistas. (Como)

Informação do autor e fonte



Vídeo: Imunoterapia em Neuro-Oncologia (Julho 2022).


Comentários:

  1. Weddell

    Eu acredito que você estava errado. Tenho certeza. Vamos tentar discutir isso.

  2. Kall

    Esta opção não se encaixa em mim. Quem mais pode sugerir?

  3. Beomann

    Na minha opinião, ele está errado. Tenho certeza. Precisamos discutir. Escreva para mim em PM, fale.



Escreve uma mensagem